#ConteudoEinformacao

Duas notícias foram divulgadas hoje pelo governo do atual presidente Michel Temer. Uma delas é que 14 Estados da região norte e nordeste do país ameaçam declarar calamidade pública. A outra notícia é que o Itamaraty extinguiu o departamento de combate à fome que já funcionava há alguns anos no Brasil.

wp-1473800020888.jpg
Cursos Técnicos (98) 3258-9067/ 3244-1807

Durante um encontro nesta terça-feira, dia 13 de setembro, o ministro da Fazenda,Henrique Meirelles, se reuniu com todos os governadores do norte e nordeste.Segundo Wellington Dias, governador do Piauí, todos irão abrir mão dos R$ 14 bilhões de incentivos que já estavam programados anteriormente. O pedido agora é emergencial: os governadores querem um pagamento imediato de R$ 7 bilhões.

Até o momento, o presidente Michel Temer não recebeu nenhum dos governadores destas duas regiões e desmarcou todas as reuniões que já estavam pré agendadas com eles.

Ricardo Coutinho, governador da Paraíba, afirmou que caso os 14 Estados brasileiros realmente decidam declarar calamidade pública, “essa situação será péssima para a confiança no país”.

O ministro da Fazenda se comprometeu com os governadores e garantiu que irá a levar os pedidos de auxílio financeiro até o presidente Michel Temer.