#ConteudoEolimpiadas

Minutos antes da bola subir para Espanha e Nigéria, pelo grupo B do basquete nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, um clima tenso pairou sobre a Arena Carioca 1, no Parque Olímpico.

Uma ameaça de bomba evitou com que o público entrasse na arena para ver a partida. O departamento antibomba foi chamado no local, no entorno do ginásio, para resolver a situação. Por volta das 19 horas (de Brasília), os especialistas em artefatos implodiram o que aparentemente era uma mochila.  

A situação causou apreensão nos profissionais de imprensa credenciada para o jogo entre Espanha e Nigéria, que começou dentro do horário previsto e sem a presença de público. A torcida só foi liberada para entrar no local por volta das 19h06. 

O torcedor Emerson compareceu para assistir ao jogo com três filhos: “Isso ta meio mal explicado. Se tinha bomba, como que deixaram os atletas aqui dentro?”

Apesar da preocupação, não era uma bomba. A mochila contava apenas com roupas e um tablet. 

A Polícia Federal ficou a cargo das investigações. Até o momento, a Força Nacional não foi informada.