#ConteudoEinformacao

​Morreu o terceiro suspeito de envolvimento na morte do sargento reformado da Polícia Militar, Adelson Cascais Cabral de 70 anos, que ocorreu no último dia 6 de agosto, no residencial Nova Terra, em São José de Ribamar.

De acordo com informações policiais, o suspeito identificado como José de Jesus dos Santos da Silva, 23 anos, conhecido como “Buchudo” estava escondido em uma casa na Cidade Olímpica.

A residência é de um adolescente de 14 anos que possui diversas passagens pela polícia. O menor foi apreendido.

Na ocasião, o acusado atirou contra uma equipe da polícia, mas acabou sendo alvejado, foi socorrido, mas morreu a caminho do Socorrão II.

Ainda segundo a polícia, a arma por ele para atirar contra os policiais, pertencia ao sargento Adelson Cascais e havia sido roubada no dia do latrocínio.

Na segunda-feira (08) policiais do Grupo de Serviço Avançado (GSA) da PM já tinham localizado dois outros envolvidos no crime. Ambos, identificados como Talison Diego Silva Cantanhede e Matheus Lindoso, também morreram após troca de tiros com a polícia.

FONTE: BLOG DO LUIS PABLO