#ConteúdoEinformação
Uma multidão se reuniu à frente do 13º Distrito Policial de São Luís – a delegacia de plantão do bairro Cohatrac – para acompanhar a chegada dos dois adolescentes acusados de matar com requintes de crueldade Tatiana Albuquerque Cutrim Alves, de 49 anos.

Ela foi encontrada morta com uma corrente de ferro enrolada no pescoço e perfurações nas regiões da cabeça, abdômen e braço, dentro da casa dela na Rua H no bairro Parque Aurora, em São Luís na manhã do último sábado (23).

A filha da vítima, de 14 anos, confessou friamente à polícia que planejou o crime executado por ela e pelo namorado, de 16 anos.

Na chegada da dupla, a população mostrou revolta e gritou por JUSTIÇA. Veja nas imagens: